Thursday, December 23, 2004

10embro



Aos putos, lazarentos, infelizes, desgraçados, idiotas, babacas, otários, energumenos, sacripantas, fodidos, nojentos, fofoqueiros, sujos, covardes, manipuladores, corruptos, ditadores, preconceituosos, puxa-sacos, cuzões e afins, enfim toda a sorte de seres vis, feliz natal e bom ano, mas não se esqueçam dia 3 de janeiro podem ir se foder com força.

Aos amigos, tudo.
Faça o que quiser pois é tudo da lei....

Wednesday, December 22, 2004

Não desista!



Outro dia desses eu vi na televisão, uma campanha do Governo Federal onde se podia ver, a luta do craque RONALDO para se recuperar de suas cirurgias no joelho até ser coroado como a grande sensação da Copa de 2002 e a trajetória de HERBERT VIANNA desde o acidente até sua volta aos palcos.
A campanha é muito interessante, a trilha sonora fica por conta da sugestiva canção “Tente outra vez” de Raul Seixas, mas o slogan põe tudo a perder: “Eu sou brasileiro e não desisto nunca!
Agora, a segunda parte da campanha mostra um sujeito que trabalha no Aeroporto do Rio que achou uma bolsa com trinta mil dólares e devolveu ao seu dono, outro que era interno da FEBEM e hoje é um educador conceituado e uma moça que sofreu a vida inteira com a pobreza, violência doméstica e problemas de saúde e agora vai fazer doutorado.
O quê o Governo pretende fazer com essa campanha? Transferir para nós a incumbência de acreditar em dias melhores baseado numa inversão de valores! Ser uma pessoa de bem, ser trabalhador, lutador e honesto, não credencia ninguém a ser reverenciado. É a obrigação de todo cidadão! O que o Ronaldinho iria fazer da vida se parasse de jogar futebol? Nem namorar a Cicarelli ele conseguiria! Herbert Vianna ficou viúvo e com filhos pra criar. Foi á luta! Não teve outra alternativa!
Há trinta, quarenta anos atrás, quem batesse no peito e bradasse o lema “Sou brasileiro e não desisto nunca!”, levava porrada, era torturado, humilhado, assassinado. As pessoas que levantarm essa bandeira, ou foram mortas ou têm feridas que ainda sangram nos calabolsos de suas memórias.
Quem foi brasileiro e jamais desistiu? Zuzu Angel, Vladimir Herzog, Rubens Paiva, Chico Mendes... E tantos outros milhares que sofreram tanto quanto, foram investigados e agora têm o que restou de suas fichas espalhado na Base Aérea de Salvador.
Brasileiro que não desiste nunca, é esse povo sofrido, que elegeu esse Governinho Dom Quixote, de Paloccis(o Senhor das Licitações) e Zédirceus (o amigo do Waldomiro Diniz), fiéis escudeiros do Cavaleiro Errante. Um povo que passa fome mas ainda acredita que a ajuda daquele programa, que foi o cavalo de batalha do candidato vitorioso, um dia ainda vai chegar!
Porquê o Governo não mostra e penúria dessa gente em cadeia nacional no horário nobre?
Nunca em toda a minha vida vi tamanha pieguice e hipocrisia! Deve ser coisa do Duda Mendonça (o viciado em briga de galo)!
Eu jurei pra mim mesmo que não iria usar esse Blog pra esse tipo de literatura! Mas eu sou brasileiro! Não desisto nunca!

Tuesday, December 21, 2004

Your song



Está tocando aqui no rádio "your song" na voz/piano de Elton John. Na minha humilde opinião, uma das canções mais belas de todos os tempos!

Monday, December 20, 2004

Caça-palavras



Quantas palavras você já escreveu?
Quantas você nunca pronunciou?
Quantos dias você já viveu?
Quantas horas você descansou?

Quantas pessoas você conheceu?
Quantas mulheres você já amou?
Quanta coisa você já comeu?
Quanto dinheiro você já gastou?

Quantas voltas o mundo já deu?
Quanta gente já te irritou?
Quantas vezes você já sofreu?
Quanto você se decepcionou?

Quantas palavras você conheceu?
Quantos dias você já sofreu?
Quanto dinheiro você já deu?
Quanta coisa você já escreveu?
Quantas mulheres você já comeu?
Quantas vezes você já viveu?

Quantas vezes você percebeu,
que muita coisa no mundo mudou?
Você se esqueceu,
você não reparou,
você esmoreceu,
você se travou,
o piso cedeu...
SEU TEMPO ACABOU!

none



Todo amor que houver nessa vida

Intro: Gm F Gm F


Gm Eb
Eu quero a sorte de um amor tranqüilo
Cm F7
Com sabor de fruta mordida
Gm Eb Cm
Nós, na batida, no embalo da rede
Eb Ab
Matando a sede na saliva
D4/7
Ser teu pão, ser tua comida
F4/7
Todo amor que houver nessa vida
Am Eb7 Gm F G F
E algum trocado pra dar garantia
Gm Eb
E ser artista no nosso convívio
Cm7 F7
Pelo inferno e céu de todo dia
Gm Eb Cm
Pra poesia que a gente não vive
Eb Ab
Transformar o tédio em melodia
D4/7
Ser teu pão, ser tua comida
F4/7
Todo amor que houver nessa vida
Am Ab7 Gm F Gm F
E algum veneno anti monotonia
Gm Eb
E se eu achar a sua fonte escondida
Cm F7
Te alcanço em cheio o mel e a ferida
Gm Eb Cm
E o corpo inteiro como um furacão

Eb Ab
Boca, nuca e a tua mente, n?o
D4/7
Ser teu pão, ser tua comida
F4/7
Todo amor que houver nessa vida
Am Ab7 Gm
E algum remédio que me dê alegria
Am Ab7 Gm
E algum remédio que me dê alegria

cazuza

eu sei, eu sei, as porras das cifras não estão nos lugares certos, mas eu não consegui fazer elas ficarem onde deveriam.

Lei da selva

Li hoje de manhã no vidro trazeiro de uma van na Linha Vermelha (RJ).
"Se correr o guarda pega,
Se parar o banco toma!"

Friday, December 17, 2004

Mundo cão!



Autorizada a morte de tubarão que matou jovem surfista

As autoridades australianas autorizaram hoje, sexta-feira, a morte dotubarão branco que na quinta-feira matou um surfista de 18 anos quando praticavaesse esporte em uma praia da cidade de Adelaide, segundo informaram meiosde comunicação locais.
O presidente em funções do estado da Austrália do Sul, Kevin Foley,disse que deve-se acabar com a vida do tubarão mesmo sendo uma espécie protegidajá que "representa uma ameaça direta para a vida humana".
Nick Petersen morreu depois de ser atacado por dois tubarões brancosquando praticava o surfe com outros três amigos 300 metros mar adentro dolitoral da praia de West Beach, ao sul do país.
A polícia costeira indicou que prossegue a busca pelo corpo da vítima,enquanto os três sobreviventes estão sendo tratados devido à comoção sofridapelo ataque.
O especialista australiano em estudos marítimos Barry Bruce disse àemissora local ABC que é muito raro encontrar vários tubarões brancos juntose que "isto somente ocorre perto das colônias de focas".
O incidente aconteceu depois que no sábado um homem de 38 anos morreuao ser atacado por um tubarão quando praticava pesca submarina em águas daGrande Barreira de Coral da Austrália.

Fonte: Último Segundo (ig)

Cada vez mais eu tenho nojo do ser humano! A Justiça da Austrália condenouà morte... UM TUBARÃO! O que eles queriam? Que o tubarão desse um tiro proalto de advertência pro surfista antes de atacá-lo? Que o tubarão ligassepra “190”?

Daqui à pouco vão condenar a família do tubarão a indenizar a família do garoto!

O que eles estão achando? Que essa condenação vai intimidar os outrostubarões de terem a mesma reação? Será que eles acham que animal pensa? Seráque eles vão ler os direitos do tubarão? Julgá-lo? Quem são os irracionaisnessa história?

ANIMAIS, ASSASSINOS, FILHOS DA PUTA!

Thursday, December 16, 2004

Lolly



Tem uma menina que trabalha comigo que é uma figuraça! Magrela, esquelética, bulímica... Minha neta de nove anos deve pesar mais do que ela! Com esse corpichio, um avantajado diâmetro encefálico devido às suas raízes nordestinas e ornamentado por uma cabeleira à Elba Ramalho em início de carreira, não demorou muito pro pessoal na firma notar a ligeira semalhança entre a dita-cuja e um pirulito! Virou Lollypop! Lolly para os íntimos.

Ela trepa com um cara casado! Isso pra mim já foi um escândalo. Hoje em dia acho tudo muito normal. Ela dá o que é dela pra quem ela acha que deve dar! O engraçado é que todo mundo sabe. Mas ela acha que ninguém sabe! Com isso a gente é obrigado a ficar ouvindo a Lolly contando as peripércias dela com o namoradinho como se fossem um casalzinho de adolescentes.

Recentemente, ela comprou um computador e ingressou no fabuloso universo da informática! Só que ela chama o computador de Exmo. Sr. Computador! Não entende picas de nada! Muito mal sabe onde liga e desliga. Como na seção eu sou o único que trabalha com computador, ela me julga um Einstein! Eu não sou nenhum gênio mas como diz o ditado: Em terra de cego quem tem um olho é rei!

Outro dia desses, ela chegou aflita na minha mesa:

- Seu Pantoja! Eu quero mandar um cartão virtual pra uma amiga minha que vai fazer aniversário!

- Ué! Manda cacete! (Reconheço que de vez em quando sou de uma delicadeza paquidérmica!)

- Só que eu não sei o e-mail dela!

- Porra! Liga pra empresa dela e pergunta!

- Só que é surpresa! Eu não quero que ela saiba que sou eu! Liga pra mim e pergunta?

Imediatamente, minha voz interior cochichou no meu ouvido: “Sai fora veio! Miga é o cacete! O que ela quer é descobrir o imêio da mulher do careta lá! Mais do que depressa, aproveitando que ela não entende porra nenhuma de informática mesmo, mandei essa:

- Entra num site de busca e digita o nome dela lá! Tenta o Google ou o Zoom! O Google é melhor!

- Entra aí pra mim Seu Pantoja!

Usando de todo o meu sarcasmo e sangue frio imaginando que futuramente ele fosse pedir que eu enviasse o cartão pra “amiga” retruquei:

- Seguinte: Se você quer que ela não saiba de onde veio a mensagem, é melhor você mandar o e-mail da sua casa! Porque o meu computador está configurado para identificar todas as URL´s de domínio público e todos os links das mensagens que eu envio, ficam logados no Servidor POP3 do provedor de conexão banda larga...

A cara que a menina fez enquanto eu prosseguia com esse discurso estapafúrdio era de dar pena! Ela então se deu por vencida e não tocou mais no assunto.

No dia seguinte, chega ela com uma cara de quem teve uma noite de cão! Um caco!

- Seu Pantoja! Olhei no Zoom! Tinha mais de cinco mil registros sabe que eu não encontrei o e-mail dela! Nossa como tem gente com o mesmo nome! Eu não consegui acessar foi o GUGÚ!

E eu com uma vontade quase incontrolável de soltar uma gargalhada respondi:


- Não é Gugú minha filha! É Google!

- Gúgo, gugú... Tanto faz! Não foi o senhor que me ensinou que em e-mail não tem acento?


Quer mais? Depois eu conto!

O poder da marca!



Milton Nascimento:
"...a primeira Coca-cola foi, me lembro bem agora, nas asas da Panair..."

Lulu Santos:
"...tomaram o mundo feito Coca-cola..."

Tim Maia:
"...não quero chá, não quero café, não quero Coca-Cola me liguei no chocolate..."

Paulo Ricardo:
"...agora a China bebe Coca-cola, alí na esquina cheiram cola..."

Renato Russo:
"...somos o futuro da nação, Geração Coca-cola..."

Caetano Veloso:
"...eu tomo uma Coca-cola, ela pensa em casamento..."

Titãs:
"...a fórmula da Coca-cola é segredo..."

The Beatles
"...monkey finger, he shoot, Coca-cola he say..."

Chico Buarque
"...você traz Coca-cola, eu tomo, bota sobremesa, eu como..."

Ira!
"... Preciso ir embora (Tome uma Coca-cola.)..."

Puta que pariu!!!!! Nem as sagradas águas do Rio Jordão foram tão cantadas assim nos últimos anos!



Soraia queimada



Eu queria ter um lança-chamas.
Eu queria ter uma fogueira.
Eu queria ter somente um fósforo.
Eu queria ter uma vela acesa,
pra queimar Soraia,
pra ver torrar seu couro
e deixar somente o rosto exposto ao Sol.

E depois da meia-noite Soraia vai voltar.
Ela vem toda queimada se vingar.

Eu quero ver Soraia queimada,
Soraia queimada,
Porque Soraia me queimou...

Eu queria ácido sulfúrico
e um litro de Álcool Tubarão.
Eu queria uma tocha iluminada,
pra deixar Soraia igual carvão.

E depois da meia-noite Soraia vai voltar.
Ela vem toda queimada se vingar.

Eu quero ver Soraia queimada,
Soraia queimada,
Porque Soraia me queimou
e doeu!
(Zéu Britto)

Esse não chega a ser meu guru. Mas deu uma entrevista no "Programa do Jô" que eu quase caguei nas calças de tanto rir. A propósito: Essa belíssima canção está na trilha sonora do filme "Meu tio matou um cara".

A Idéia



De onde ela vem?! De que matéria bruta
Vem essa luz que sobre as nebulosas
Cai de incógnitas criptas misteriosas
Como as estalactites duma gruta?!
Vem da psicogenética e alta luta
Do feixe de moléculas nervosas,
Que, em desintegrações maravilhosas,
Delibera, e depois, quer e executa!

Vem do encéfalo absconso que a constringe,
Chega em seguida às cordas do laringe,
Tísica, tênue, mínima, raquítica ...

Quebra a força centrípeta que a amarra,
Mas, de repente, e quase morta, esbarra
No mulambo da língua paralítica.

Augusto dos Anjos

Uma pequena homenagem a um dos meus gurus...